Reflexões sobre Escalada Esportiva

Arquivo para setembro, 2015

Férias: Arcos/Bocaina

Enfim férias, momento que todos nós esperamos. O destino foi decidido meio que em cima da hora, mas as férias foram maravilhosa. Eu e Matteo fomos a Arcos e Bocaina. Arcos nenhum de nós conhecia, Bocaina eu já conhecia e tinha que levar o Matteo, porque lá é incrível!

Fomos primeiro a Arcos, por ser “mais perto” e caminho para Bocaina. O potencial de lá é impressionante e os dois dias que ficamos foi, com certeza, pouco tempo. No primeiro dia, o local Felipe Maia nos apresentou algumas das vias mais clássicas dos setores Leão de Judah e Vale das Sombras.

Matteo escalando a Leão de Judah (7b), que dá nome ao setor! Foto: Felipe Maia.

Matteo escalando a Leão de Judah (7b), que dá nome ao setor! Foto: Felipe Maia.

Bianca no início super boulderístico da Extraordinária (7c), Vale das Sombras, Arcos, Minas Gerais. Foto: Matteo Maffizzoli.

Bianca no início super boulderístico da Estréia (7c), Vale das Sombras, Arcos, Minas Gerais. Foto: Matteo Maffizzoli.

Matteo entrando no teto da Extraordinária (7c), Vale das Sombras, Arcos, Minas Gerais. Foto: Bianca Castro.

Matteo entrando no teto da Estréia (7c), Vale das Sombras, Arcos, Minas Gerais. Foto: Bianca Castro.

Bianca encadenando a Extraordinária, Vale das Sombras, Arcos, Minas Gerais. Foto: Matteo Maffizzoli.

Bianca encadenando a Estréia (7c), Vale das Sombras, Arcos, Minas Gerais. Foto: Matteo Maffizzoli.

Já no segundo dia, o setor Segundo Andar foi só nosso e entramos em algumas vias fáceis, porém mais longas!

Apesar do calor estava castigante, conseguimos aproveitar a escalada de Arcos, onde dos dias 30 de outubro a 2 de novembro ocorrerá o 3º Encontro de Escalada Esportiva do Rastro de São Pedro.

Por mais 250 km, de Arcos é possível chegar na Serra da Bocaina. A expectativa de passar 12 dias lá era enorme e fomos super bem recebidos pelo Refúgio Bocaina!

Como eu fiquei muito tempo parada e tive menos de um mês de treino antes da viagem, minha ideia era pegar leve e fazer volume. Entretanto, depois de um pega na via Farinha do Mesmo Saco (9b), tive que a estabelecer como projeto da viagem. A via era o meu estilo, contendo uma sequencia de movimentos difíceis de reglete como crux, e consegui encadená-la na quinta tentativa, com mais um first female ascent (FFA) para minha lista!

Farinha do Mesmo Saco (9b), Mezanino, Serra da Bocaina, Minas Gerais. Foto: Gustavo Maneira.

Bianca no descanso da Farinha do Mesmo Saco (9b), Mezanino, Serra da Bocaina, Minas Gerais. Foto: Gustavo Maneira.

Farinha 3

O Matteo teve como projeto a via Pubianos (8a), super clássica que eu já tinha encadenado na primeira vez que fui à Bocaina, e também em poucas tentativas conseguiu manda-la!

Determinação na Pubianos (8a), Paulistas, Serra da Bocaina, Minas Gerais. Foto: Bianca Castro.

Determinação na Pubianos (8a), Paulistas, Serra da Bocaina, Minas Gerais. Foto: Bianca Castro.

Matteo apertando os regletes da Pubianos (8a), Paulistas, Serra da Bocaina, Minas Gerais. Foto: Bianca Castro.

Matteo apertando os regletes da Pubianos (8a), Paulistas, Serra da Bocaina, Minas Gerais. Foto: Bianca Castro.

Depois dos projetos encadenados, nos dedicamos a escalar vias mais tranquilas, mas sempre de qualidade, característica da Bocaina.

Serra da Bocaina ao fundo!

Serra da Bocaina ao fundo!

Bianca na via Você Decide (7b), Terceiro Andar, Serra da Bocaina, Minas Gerais. Foto: Matteo Maffizzoli.

Bianca na via Você Decide (7b), Terceiro Andar, Serra da Bocaina, Minas Gerais. Foto: Matteo Maffizzoli.

Matteo escalando no setor Terceiro Andar, uma ótima opção para os dias de chuva! Foto: Bianca Castro.

Matteo escalando no setor Terceiro Andar, uma ótima opção para os dias de chuva! Foto: Bianca Castro.

Bocaina in love!

Bocaina in love!

De 9 a 18 de outubro ocorrerá o RockBocaina, o maior festival de escalada esportiva do Brasil! Infelizmente, não conseguirei ir por causa do trabalho, mas pudemos acompanhar os preparativos da infraestrutura do Refúgio e estão caprichando para receber a comunidade escaladora!

Agora de volta à rotina, o foco é voltar à forma e me preparar para o Campeonato Brasileiro de Dificuldade, organizado pela ABEE, que ocorrerá no dia 21 de novembro, em Belo Horizonte. Ou seja, as próximas semanas serão de muito treino e dedicação!